Handmades</center>
 
*
Bem-vindo, Visitante. Por favor faça o Login ou Registro. 13 de Dezembro de 2018, as 13:46:17


Login com nome de usuário, senha e duração da sessão


Páginas:  1 [2]   Ir para o Fundo
  Imprimir  
Autor Tópico: Fender BXR-100 com problema no power amp  (Lida 896 vezes)
helderguitar
Iniciante
*
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 47



« Responder #15 : 07 de Outubro de 2018, as 21:56:34 »

Sem o CI MC1436 TP22 e TP23 medem 0 volt AC (deveria ser 3,27). Já as medidas DC nos mesmos pontos continuam próximas do correto 29,6 e -29,6 DC respectivamente. Cheguei a testar com o CA3140 no lugar: mesmo resultado somado a pulsos intermitentes.
Acho que o jeito é mesmo comprar um MC1436 novo.
Registrado
Matec
Administrator
Handmaker
*****
Offline Offline

Mensagens: 1.965



« Responder #16 : 07 de Outubro de 2018, as 22:17:15 »

Acho que o jeito é mesmo comprar um MC1436 novo.

Acho que você não vai ter grande resultado com essa compra do MC1436.

Tudo indica que o problema está após esse CI. Se não são os diodos, podem ser os Tips 142/147. Mesmo que eles já tenham sido trocados.
 Smiley

Registrado
GrAmorin
Hand MasterMind
*****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 3.339



WWW
« Responder #17 : 07 de Outubro de 2018, as 23:18:53 »

Quando voce fez o teste de retirar o CI e injetar um sinal onde é o terminal 6, o sinal audivel foi mais alto do que quando o CI esta na placa?

Pode acontecer tambem, quando os transistores entram em curto, de fazer os diodos da fonte queimar, nao lembro de ter visto isso em algum Fender, mas da uma olhada, aproveita e veja os eletroliticos da fonte.


Registrado

helderguitar
Iniciante
*
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 47



« Responder #18 : 08 de Outubro de 2018, as 00:04:51 »

Quando voce fez o teste de retirar o CI e injetar um sinal onde é o terminal 6, o sinal audivel foi mais alto do que quando o CI esta na placa?

Pode acontecer tambem, quando os transistores entram em curto, de fazer os diodos da fonte queimar, nao lembro de ter visto isso em algum Fender, mas da uma olhada, aproveita e veja os eletroliticos da fonte.



Já havia trocado os diodos e os eletrolíticos da fonte assim que peguei o amp.
Quanto ao teste do sinal no pino 6, na primeira vez usei um injetor de sinais, o áudio no falante foi bem baixo.
Testei agora injetando o sinal do meu mp3: o nível é mais baixo do que quando o CI está instalado, porém, bem mais alto do que o teste com o injetor e o sinal é perfeito, sem distorção alguma.
« Última modificação: 08 de Outubro de 2018, as 00:29:10 por helderguitar » Registrado
xformer
Administrator
DIY Freak
*****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 4.970


e^(i x pi)+1=0


WWW
« Responder #19 : 08 de Outubro de 2018, as 10:53:34 »

Nessas horas o osciloscópio faz falta. Você tem acesso a algum ?

Já que tirou o ci amplificador operacional, poderia testar o funcionamento dele sozinho, em uma protoboard, resistores e duas fontes (ou baterias de 9V) e um gerador de sinais.
Registrado

O que se escreve com "facilidade" costuma ser lido com dificuldade pelos outros. Se quiser ajuda em alguma coisa, escreva com cuidado e clareza. Releia sua mensagem postada e corrija os erros.
helderguitar
Iniciante
*
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 47



« Responder #20 : 08 de Outubro de 2018, as 11:38:28 »

Nessas horas o osciloscópio faz falta. Você tem acesso a algum ?

Já que tirou o ci amplificador operacional, poderia testar o funcionamento dele sozinho, em uma protoboard, resistores e duas fontes (ou baterias de 9V) e um gerador de sinais.
Estes osciloscópios para Android realmente funcionam? Eu poderia montar os circuito para usar um. O problema seria como fazer os testes, não faço a menor ideia de como é.
Registrado
xformer
Administrator
DIY Freak
*****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 4.970


e^(i x pi)+1=0


WWW
« Responder #21 : 08 de Outubro de 2018, as 15:32:38 »

Eu não sei como é esse circuito de osciloscópio para Android, mas sendo um osciloscópio mesmo que simples, já ajudaria a testar o MC1436.

Basicamente o teste seria alimentar (com baterias de 9V uma para o V+ e outra para o V-) o amplificador operacional na protoboard, colocar os mesmos resistores que tem no circuito do amplificador de potência (o de 22k e 1k) e injetar um sinal na entrada e ver se na saída tem o sinal amplificado em 22x com o osciloscópio.  Se tiver um voltímetro AC, tenta injetar um sinal senoidal de 0,2Vrms e ver ser na saída tem 4,4Vrms.
Registrado

O que se escreve com "facilidade" costuma ser lido com dificuldade pelos outros. Se quiser ajuda em alguma coisa, escreva com cuidado e clareza. Releia sua mensagem postada e corrija os erros.
GrAmorin
Hand MasterMind
*****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 3.339



WWW
« Responder #22 : 08 de Outubro de 2018, as 22:10:28 »

Quando voce trocou os componentes do power, tem certeza que não inverteu nenhum, sem perceber?

Tem os osciloscopios para PC, tipo o Zelscope, Visual Analyzer entre outros.
Registrado

xformer
Administrator
DIY Freak
*****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 4.970


e^(i x pi)+1=0


WWW
« Responder #23 : 14 de Outubro de 2018, as 15:09:30 »

Não, o que está escrito é microfone mesmo:
Citar
Input Problems
If you're very lucky, your app might have an input selection screen.
The first thing we encountered when installing these apps was the nature of Android’s approach to audio hardware. By default these apps take their input from the microphone. Everyone who installs them probably spends a while whistling at their phone to see a nice waveform or spectrum peak appear, but sadly for our purposes a microphone is no use. We need a physical input, and you might think that could be served by the microphone input on the device’s 3.5mm jack plug. Unfortunately a modern phone is not the same as a cassette recorder of old, so we quickly discovered that simply plugging in the appropriate TRRS lead did not magically switch over from the microphone.

No meu celular, o plugue de fone de ouvido, tem 4 conexões (ponta e luvas), sendo duas para saída dos canais estéreo, um terra e uma entrada de microfone (no meio do cabo do fone de ouvido tem uma caixinha com o microfone).

Não vejo como as saídas de som estéreo para os fones de ouvido poderiam ser usadas como entrada para sinais externos.
Registrado

O que se escreve com "facilidade" costuma ser lido com dificuldade pelos outros. Se quiser ajuda em alguma coisa, escreva com cuidado e clareza. Releia sua mensagem postada e corrija os erros.
Thomas_h
Freqüente
**
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 309



« Responder #24 : 14 de Outubro de 2018, as 19:01:48 »

Citar
Não vejo como as saídas de som estéreo para os fones de ouvido poderiam ser usadas como entrada para sinais externos.

Verdade! Falha minha, acredito que era o gerador de sinais então e o microfone como osciloscópio.
Registrado
xformer
Administrator
DIY Freak
*****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 4.970


e^(i x pi)+1=0


WWW
« Responder #25 : 20 de Outubro de 2018, as 21:39:36 »

O Helder me escreveu em mensagem privada pedindo para explicar como montar o circuito para testar o amplificador operacional MC1436.  Para ter como mostrar a imagem pra ele, é melhor postar no tópico ao invés de ficar explicando por mensagem.



Monta o circuito como acima.  Nesse caso, o ganho do amplificador com esses resistores é de 10x (na verdade é -10x).  Com um multímetro na escala de volts DC, ajuste primeiro o trimpot para ter uma tensão menor do que 0,5V  (deixe 0,5V).   Na saída, o voltímetro deve medir 10 x 0,5V = 5V (ou um valor perto porque a resistência de entrada não é muito alta e dá um erro, que ainda depende da precisão dos resistores).  Se ajustar para 0,4V na entrada, na saída deve ter 4V e assim por diante.  Como na saída não passa de 9V, não adianta por mais de 0,9V na entrada.  Se tiver dois multímetros melhor, senão use um só, trocando os pontos de medição (atente para as polaridades das pontas, conforme indicado no desenho: vermelho é o +, preto é o - ).  
Esse teste funciona pra quase todos amplificadores operacionais e é uma amplificação de sinal contínuo (DC).  Pra ver um sinal alternado (AC) precisaria ter um osciloscópio na saída e um gerador de sinais na entrada.
O circuito anterior é um amplificador inversor.

Monte depois este aqui:


Este é um amplificador não inversor. O ganho dele agora é de 11x  (eu não lembro como é a configuração no seu circuito com defeito, então testa dos dois jeitos). Com apenas algumas mudanças nas ligações você muda o tipo do amplificador. Preste atenção nas novas polaridades das medições.  Este tem resistência de entrada bem mais alta e o erro na saída deve ser menor (descontando as tolerâncias dos resistores) em relação ao valor calculado.  0,5V na entrada deve dar 5,5V na saída e assim vai.

« Última modificação: 20 de Outubro de 2018, as 23:23:38 por xformer » Registrado

O que se escreve com "facilidade" costuma ser lido com dificuldade pelos outros. Se quiser ajuda em alguma coisa, escreva com cuidado e clareza. Releia sua mensagem postada e corrija os erros.
helderguitar
Iniciante
*
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 47



« Responder #26 : 24 de Outubro de 2018, as 21:33:01 »

O Helder me escreveu em mensagem privada pedindo para explicar como montar o circuito para testar o amplificador operacional MC1436.  Para ter como mostrar a imagem pra ele, é melhor postar no tópico ao invés de ficar explicando por mensagem.

Monta o circuito como acima.  Nesse caso, o ganho do amplificador com esses resistores é de 10x (na verdade é -10x)...


Muito obrigado pela boa vontade Xformer! Tive que abandonar o amp por uns dias, mas, hoje enfim montei o circuito de teste:
Com o primeiro esquema (amplificador inversor), a tensão de entrada nunca passa de 0,06V.
Só consigo ajustar a entrada para 0,5V se tirar o c.i. e assim que o recoloco a tensão cai para 0,05V.
Para uma tensão de entrada de 0,05V há uma tensão de saída de 0,74V (quase a mesma proporção para outros valores de entrada).

O segundo esquema (amplificador não inversor), funcionou como esperado. Consigo ajustar a tensão de entrada de 0 a 0.86V.
Para uma tensão de entrada de 0,5V há uma tensão de saída de 5.7V (quase a mesma proporção para outros valores de entrada).
« Última modificação: 24 de Outubro de 2018, as 22:53:28 por helderguitar » Registrado
Páginas:  1 [2]   Ir para o Topo
  Imprimir  
 
Ir para:  


Powered by MySQL Powered by PHP Powered by SMF 1.1.21 | SMF © 2006-2009, Simple Machines

XHTML 1.0 Válido! CSS Válido! Dilber MC Theme by HarzeM
Página criada em 0.086 segundos com 22 procedimentos.
SimplePortal 2.3.3 © 2008-2010, SimplePortal