Handmades</center>
 
*
Bem-vindo, Visitante. Por favor faça o Login ou Registro. 21 de Julho de 2024, as 01:13:06


Login com nome de usuário, senha e duração da sessão


Páginas:  [1] 2   Ir para o Fundo
  Imprimir  
Autor Tópico: Phelpa 30W, Refazendo.  (Lida 17830 vezes)
Matec
Hand MasterMind
*****
Offline Offline

Mensagens: 2.926

Obrigado
-Dado: 181
-Recebido: 836



« : 03 de Junho de 2020, as 02:33:07 »

Pandemia, confinamento, chateação, notícias ruins que não acabam mais. Cry

Tem gente que assiste filme, gruda no videogame, fica maluco, briga. Toma na Cabeça

Eu resolvi fazer o que a maioria dos nerds da eletrônica faz; consertar e melhorar equipamentos. No caso esse amplificador antigo.

Não sou um expert em restauração. Meu forte são projetos e consertos. Mas vamos seguindo, pra passar o tempo. Roll Eyes

Eu tenho esse antigo Phelpa Bass 30W o esquema original dele se baseia num fender Bassman 5F6A, mais simples. Então vale a pena investir um pouco de tempo.

Ele começou desse jeito..







Esqueminha:



 
Registrado
kem
DIY Freak
******
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 5.122

Obrigado
-Dado: 91
-Recebido: 788



« Responder #1 : 03 de Junho de 2020, as 02:48:06 »

Vai desmontar tudo?
Manda uma foto dessa fiarada do circuito!
O que é essa chave de fase (é daquelas chaves da morte)?
Vai usar 3 triodos no pré mesmo? Que tal um outro estágio ou um seguidor de catodo Mosfet?
E fiquei curioso se esse esquema de dividir o resistor de placa do triodo pra baixar o ganho dá um resultado melhor do que não dividir e colocar um divisor resistivo logo depois.

Ps. Esse azul calcinha dos transformadores não é bonito. Pede autorização pro a.sim e pinta de azul Schatz...
« Última modificação: 03 de Junho de 2020, as 02:56:40 por kem » Registrado

I don't want to die young...
I want to diode!
Matec
Hand MasterMind
*****
Offline Offline

Mensagens: 2.926

Obrigado
-Dado: 181
-Recebido: 836



« Responder #2 : 03 de Junho de 2020, as 03:35:19 »

Olá  Kem.  
O circuito já estava destruído faz anos. Posso colocar uma foto de outro ampli só pra dar idéia de como era.

Sim a chave FASE é  mesmo aquela do capacitor da morte!

 Batendo Cabeça
« Última modificação: 03 de Junho de 2020, as 03:38:35 por Matec » Registrado
A.Sim
Handmaker
****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 1.233

Obrigado
-Dado: 82
-Recebido: 359



WWW
« Responder #3 : 03 de Junho de 2020, as 11:47:14 »

Ps. Esse azul calcinha dos transformadores não é bonito. Pede autorização pro a.sim e pinta de azul Schatz...

Pode usar, mas tem de isolar os parafusos primeiro. Mas só as máquinas são pintadas de azul; os transformadores Schatz são pintados em preto.
Registrado

Transformadores Schatz
...The bitterness of poor quality [transformers] is remembered long after the sweetness of today's funny gadgets low price has faded from memory... (obsoletetellyemuseum)

- pelo retorno do tópico "Chinelagem" !
Matec
Hand MasterMind
*****
Offline Offline

Mensagens: 2.926

Obrigado
-Dado: 181
-Recebido: 836



« Responder #4 : 03 de Junho de 2020, as 14:36:52 »

Vai desmontar tudo?
Manda uma foto dessa fiarada do circuito!
O que é essa chave de fase (é daquelas chaves da morte)?
Vai usar 3 triodos no pré mesmo? Que tal um outro estágio ou um seguidor de catodo Mosfet?
E fiquei curioso se esse esquema de dividir o resistor de placa do triodo pra baixar o ganho dá um resultado melhor do que não dividir e colocar um divisor resistivo logo depois.

Ps. Esse azul calcinha dos transformadores não é bonito. Pede autorização pro a.sim e pinta de azul Schatz...


Como eu disse antes, o circuito já estava desmontado faz tempo, mas para matar a curiosidade, aqui tem fotos de outros semelhantes: devo dizer que o meu era mais antigo e a aparência estava bem pior... Sad







 
Registrado
kem
DIY Freak
******
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 5.122

Obrigado
-Dado: 91
-Recebido: 788



« Responder #5 : 03 de Junho de 2020, as 14:49:38 »

Vai usar 3 triodos no pré mesmo? Que tal um outro estágio ou um seguidor de catodo Mosfet?
Vai manter original ou pretende fazer modificações?
Registrado

I don't want to die young...
I want to diode!
Matec
Hand MasterMind
*****
Offline Offline

Mensagens: 2.926

Obrigado
-Dado: 181
-Recebido: 836



« Responder #6 : 03 de Junho de 2020, as 15:42:33 »

Vai usar 3 triodos no pré mesmo? Que tal um outro estágio ou um seguidor de catodo Mosfet?
Vai manter original ou pretende fazer modificações?

Original? Não exatamente... Roll Eyes

Mas muito próximo...  

Grin

« Última modificação: 04 de Junho de 2020, as 15:42:35 por Matec » Registrado
Matec
Hand MasterMind
*****
Offline Offline

Mensagens: 2.926

Obrigado
-Dado: 181
-Recebido: 836



« Responder #7 : 04 de Junho de 2020, as 15:43:25 »



Voltando ao Phelpa, o negócio é desmontar tudo!



Além de refazer o circuito, tem que fazer a limpeza do chassis e tirar alguns pontos de ferrugem que acabam por deixar a aparência bem caída.

Pra isso pesquisei alguns métodos químicos para fazer essa limpeza, cheguei a comprar uma vasilha que coubesse o chassis inteiro dentro, e que desse para fazer um processo de tratamento eletrolítico. Fiz um teste em algumas peças com ferrugem, e não foram satisfatórios (ou eu não soube fazer direito, o que dá na mesma).

No final utilizei um produto comercial que pára os processos de ferrugem, cria uma camada de proteção, e ainda serve como fundo para a pintura. Algumas passadas de lixa fina e algumas passadas do produto com uma trincha comum, e o chassis ficou pronto pra tinta:







Spoiler (clique para mostrar ou esconder)

 Roqueiro
Registrado
A.Sim
Handmaker
****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 1.233

Obrigado
-Dado: 82
-Recebido: 359



WWW
« Responder #8 : 04 de Junho de 2020, as 17:58:06 »

Armatec é convertedor ( sic ) de ferrugem. Esse tipo de produto funciona muito bem na ferrugem, mas... os que testei até hoje, não "pegam" em aço limpo. Experimente lavar o produto após aplicado e seco; veja se não vai começar a sair onde o aço não estava enferrujado.

Eheh...falei...  https://www.vedacit.com.br/content/vedacit/pt-br/produtos-e-solucoes/anticorrosivos/armatec-ox-7.convert.pdf

Advertência: Nunca utilizar tinta à base de água sobre a superfície tratada.

Se há a disponibilidade de mergulhar o chassis inteiro, sugiro fazê-lo em Fer-li-con ou similar; pode ser bem diluído ( pois o produto é inexplicavelmente caro para uma aguinha verde ) mas será preciso deixar de molho por um dia ou até dois. Durante o banho, observar o processo e ir removendo a ferrugem mais grossa com algum meio mecânico. O produto vai remover toda a ferrugem e fosfatizar a superfície. Feito isso, lavar o chassis e retirar a fosfatização com lixa e/ou escova de aço, pois a fosfatização, na minha experiência, acaba comprometendo a aderência do fundo. Depois aplicar washprimer, fundo e tinta.
« Última modificação: 07 de Junho de 2020, as 20:23:54 por A.Sim » Registrado

Transformadores Schatz
...The bitterness of poor quality [transformers] is remembered long after the sweetness of today's funny gadgets low price has faded from memory... (obsoletetellyemuseum)

- pelo retorno do tópico "Chinelagem" !
Matec
Hand MasterMind
*****
Offline Offline

Mensagens: 2.926

Obrigado
-Dado: 181
-Recebido: 836



« Responder #9 : 04 de Junho de 2020, as 19:32:25 »

Obrigado pela dica Alexandre.
Esse Armatec tem comportamento semelhante ao Fer-li-con. A camada fina ainda é  aceitável, mas quando a fosfatização é  espessa ela fica porosa, e não adere à  superfície.  Deu pra sentir isso na hora de lixar. No momento, estou utilizando o que tenho à  mão.  Em outra época, vou buscar alternativas que podem ser mais eficazes.
Registrado
A.Sim
Handmaker
****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 1.233

Obrigado
-Dado: 82
-Recebido: 359



WWW
« Responder #10 : 04 de Junho de 2020, as 21:52:45 »

Minha experiência com esses produtos destinados a uso residencial / construção civil é ruim. O resultado não vale o tempo despendido. Use sempre produtos para uso industrial. Minha pior experiência com esses convertedores de ferrugem foi ter de repintar a peça porque o "fundo" descascou com o tempo.

É por isso que uso fundo PU catalisado, tinta PU catalisada, fundo epoxi catalisado, wash primer ( que também é catalisado ). A tinta menos nobre que eu uso é a nitrocelulose, para situações muito especiais. Tinta alquídica ( esmalte sintético comum ), não uso mais nem para pintar portão...
« Última modificação: 04 de Junho de 2020, as 21:59:10 por A.Sim » Registrado

Transformadores Schatz
...The bitterness of poor quality [transformers] is remembered long after the sweetness of today's funny gadgets low price has faded from memory... (obsoletetellyemuseum)

- pelo retorno do tópico "Chinelagem" !
Matec
Hand MasterMind
*****
Offline Offline

Mensagens: 2.926

Obrigado
-Dado: 181
-Recebido: 836



« Responder #11 : 07 de Junho de 2020, as 14:39:03 »

Para quem está acompanhando esta saga, pode ter notado que por algum motivo por nós ignorado, que o amplificador não tem o circuito do Bassman completo, simplesmente por conta de algumas modificações mínimas.

Spoiler (clique para mostrar ou esconder)

A modificação que realmente me incomoda, é a não utilização de um triodo da primeira válvula. Como eu também não queria modificar o painel desse Phelpa, então a inclusão de um segundo canal não ficaria viável.

Pouco tempo atrás, eu vim a conhecer uma nova linha da Marshall, que saiu em 2014 e que foi fabricada somente até 2017. É a linha Astoria. São amplificadores de 30W, com uma sonoridade muito interessante. Só foram fabricados 3 modelos, e não foram produzidas muitas unidades de cada. Pra variar não tem esquemas oficiais publicados.

Além da sonoridade, outro destaque desses aparelhos é a aparência externa, e a aparência do circuito, com um visual de amplificadores feitos á mão, muito chamativo.





Está claro que eu não pude me segurar ao ver várias fotos internas do circuito. Esse modelo que aparece nas fotos acima, é o modelo Astoria Classic, o mais simples, e que o circuito é também semelhante ao do Bassman/JTM45, mas que tem só um canal.

Eu consegui "tirar" um circuito funcional, que é próximo ao do Astoria, mas que não está completo ( faltam uns detalhes de um atenuador, que ainda não pode ser desvendado), e que se adapta ao espaço e possibilidades do Phelpa.

Então eu fiz um Layout para esse novo circuito:

.

Seguindo o layout do próprio Phelpa que é sempre montado em ponte de terminais.

 

Registrado
bossman
Administrator
DIY Freak
******
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 6.285

Obrigado
-Dado: 1906
-Recebido: 456



« Responder #12 : 07 de Junho de 2020, as 20:03:24 »

Espetacular !  Bravo
Registrado

Ding-Ling things, low-cost = low protection! Nothing is foolproof
raphaelCoelho
Colaborador
***
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 512

Obrigado
-Dado: 180
-Recebido: 112



« Responder #13 : 07 de Junho de 2020, as 20:35:34 »

Parabéns Matec, essa é uma empreitada que vai valer muito a pena! E tá ficando show de bola.
Registrado

Grande abraço, Raphael!
Matec
Hand MasterMind
*****
Offline Offline

Mensagens: 2.926

Obrigado
-Dado: 181
-Recebido: 836



« Responder #14 : 10 de Junho de 2020, as 01:08:34 »

Fora minha diferença com tintas em geral, que eu acabo sempre deixando à desejar, o chassis ficou preto.

Parti pro circuito em si.

Fazer em ponte de terminais é divertido, os componentes podem ficar até bem colocados. O maior problema foi o tamanho do chassis, que é muito curto, ai tudo tem que ficar com espaço limitado, os capacitores eletrolíticos sobram em largura.





As pontes de terminais não podem ficar presas direto no chassis, então utilizei pedaços de PCB em duas canadas pra poder fazer uma base isolada. Foram 3 bases dessas. Ficou bom.



 
« Última modificação: 10 de Junho de 2020, as 01:14:43 por Matec » Registrado
Páginas:  [1] 2   Ir para o Topo
  Imprimir  
 
Ir para:  


Powered by MySQL Powered by PHP Powered by SMF 1.1.21 | SMF © 2006-2009, Simple Machines

XHTML 1.0 Válido! CSS Válido! Dilber MC Theme by HarzeM
Página criada em 0.045 segundos com 21 procedimentos.
SimplePortal 2.3.3 © 2008-2010, SimplePortal