Handmades</center>
 
*
Bem-vindo, Visitante. Por favor faça o Login ou Registro. 21 de Outubro de 2018, as 11:41:20


Login com nome de usuário, senha e duração da sessão


Páginas:  1 ... 35 36 [37] 38   Ir para o Fundo
  Imprimir  
Autor Tópico: The Secret Weapon - Preamplificador de guitarra completo (Canal Clean + Sujo)  (Lida 65940 vezes)
Ramsay
Colaborador
***
Offline Offline

Mensagens: 725



« Responder #540 : 08 de Outubro de 2017, as 20:45:26 »

Servir até serve, principalmente para amplificadores de baixo, mas, em se tratando de guitarra, amplificadores das classes A e AB soam bem melhor que os da classe D.
Registrado
blackcorvo
Handmaker
****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 1.126


...Quer? Faça você mesmo!


WWW
« Responder #541 : 09 de Outubro de 2017, as 13:08:22 »

Servir até serve, principalmente para amplificadores de baixo, mas, em se tratando de guitarra, amplificadores das classes A e AB soam bem melhor que os da classe D.

Isso só é verdade se você quer distorção na sua potência. No caso de se usar uma potência Classe D (e a maioria das potências Solid State), a idéia é ter o som de distorção somente no pré, e manter o nível de saída desse pré abaixo do ponto em que a potência começa a distorcer perceptivelmente.

Seria mais ou menos o mesmo que ligar um pedalboard direto num PA. A idéia é que todo o timbre vem dos pedais, e seu PA só está ali para amplificar seu som.
Registrado

- Youtube: http://youtube.com/user/blackcorvo
- Discord: blackcorvo#6197 - Server: https://discord.gg/qbY83WC
- Telegram: blackcorvo
- Twitter: https://twitter.com/blackcorvo
EddieTavares
Visitante
« Responder #542 : 10 de Outubro de 2017, as 17:28:34 »

Este camarada clonou um Wampler Euphoria  e instalou na mesma caixinha um amplificador classe D de 3 + 3 watts, que já são suficientes para estudos, através do footswitch é possível selecionar um dos dois potenciômetros de ganho.

http://jameslow.com/2016/01/09/2-channel-guitar-amp-in-a-pedal/
Registrado
edyguitar
Colaborador
***
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 638



« Responder #543 : 10 de Outubro de 2017, as 19:55:08 »

Dizem que Classe D não "casa" bem com guitarra, mas a EHX discorda disso.
https://www.ehx.com/products/44-magnum

o Coração dele é um Ci TPA3106D.
http://www.ti.com/lit/ds/symlink/tpa3106d1.pdf
« Última modificação: 10 de Outubro de 2017, as 19:58:37 por edyguitar » Registrado
Mallermb
Colaborador
***
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 797



« Responder #544 : 13 de Maio de 2018, as 15:29:16 »

Desculpem reviver o tópico, mas já revivendo...

Inicialmente, quando montei esse pré, testei com uma etapa de potência com o TDA2050, soou tudo ok e muito bom, mas com o TDA7294 a coisa foi bem diferente, os agudos sumiam, som abafado, etc...

Fiquei um bom tempo parado, recentemente voltei ao projeto, comecei a testar diversas etapas de saída nesse pré amplificador, a maioria ainda soava abafado, troquei o alto-falante por outro, os agudos surgiram, mas ainda não estava satisfeito, comecei então, a testar outras etapas de potência.

Por fim, para mim, a etapa de potência que menos gostei, foi com TDA7294, as que realmente me agradaram e que fizeram os agudos ressurgirem das cinzas, foram as etapas de potência com TDA2050, TDA2030, LM1875, 2sc5200/2sa1943 e principalmente, por incrível que pareça, módulo amplificador digital classe D, casou muito bem com diversos pré amplificadores que testei, soando muito melhor que muitas marcas no mercado atual.

Resumindo, resolvi voltar aos testes por causa de um conhecido, que disse ter montado recentemente um TSW e não conseguia agudos suficientes.

Bom, testei de tudo, e posso dizer que o pré é maravilhoso, basta utilizar componentes bons, potenciômetros de qualidade (sempre), cabos bons, alto-falantes específicos para guitarra, testar algumas etapas de saída e escolher a que mais lhe agrada.

Esse pré casa bem com pedaleiras e pedais, estou feliz com ele, abraços!
Registrado

A vida não é complicada, o viver não é complicado, nós é que temos o costume de complicar a vida e o viver...,
EddieTavares
Visitante
« Responder #545 : 14 de Maio de 2018, as 21:02:43 »

Mallermb

Essa falta de agudos não tem a ver com o fato do pré clean não adicionar harmônicos ao sinal?
Registrado
Mallermb
Colaborador
***
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 797



« Responder #546 : 14 de Maio de 2018, as 23:02:53 »

Mallermb

Essa falta de agudos não tem a ver com o fato do pré clean não adicionar harmônicos ao sinal?

Achei que não tem muito a ver não, talvez só um pouquinho, em testes constatei que o que mais influencia é o alto falante e o tipo de etapa amplificadora, claro, sem esquecer dos componentes como potenciômetros que se forem de má qualidade, deixa o som ainda mais abafado, outra coisa, tem que utilizar cabo paralelo na ligação do alto falante, sempre, outros cabos abafam o som também. Depois disso, quando conectamos um pedal ou pedaleira, os harmônicos surgem, tudo funciona a contento, mas é possível sim ganhar agudos mudando apenas algumas coisas já citadas, mesmo sem utilizar pedais, etc...
Registrado

A vida não é complicada, o viver não é complicado, nós é que temos o costume de complicar a vida e o viver...,
EddieTavares
Visitante
« Responder #547 : 15 de Maio de 2018, as 16:40:07 »

Mallermb

Estou planejando (... e faz tempo) amplificador em formato de pedal, já tenho tudo. A ideia é usar um pré clean, na entrada um valvecaster (com trimpots no lugar dos controles)  e um módulo classe-d de 100 watts (duvido muito que chegue a 100 watts mas se der 30 já me dou por satisfeito) vou usar uma fonte de notebook e então vou comprar uma caixa genérica e por um bom falante de 12'.

Ainda não consegui testar tudo junto, mas liguei o valvecaster + o pré clean na protoboard + tda2015 e fiquei muito feliz com o que ouvi, se tivesse um pouco de "sag" ficaria perfeito.

Registrado
Mallermb
Colaborador
***
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 797



« Responder #548 : 15 de Maio de 2018, as 16:59:39 »

Mallermb

Estou planejando (... e faz tempo) amplificador em formato de pedal, já tenho tudo. A ideia é usar um pré clean, na entrada um valvecaster (com trimpots no lugar dos controles)  e um módulo classe-d de 100 watts (duvido muito que chegue a 100 watts mas se der 30 já me dou por satisfeito) vou usar uma fonte de notebook e então vou comprar uma caixa genérica e por um bom falante de 12'.

Ainda não consegui testar tudo junto, mas liguei o valvecaster + o pré clean na protoboard + tda2015 e fiquei muito feliz com o que ouvi, se tivesse um pouco de "sag" ficaria perfeito.



Eddie, o amplificador classe D que utilizo tem 60w em 24V, mono, porém, recomendo não utilizar mais do que 20V, devido ao aquecimento do circuito integrado que não possui dissipador e devido a não confiar plenamente no módulo (vai saber), em testes práticos, ao utilizar cerca de 80% do volume, ele gera um bom calor, me dá medo isso, mas continua respondendo bem, mas confesso que tive medo de continuar por mais uma hora tocando com ele.

Meu módulo coloquei em uma caixa de pedal, com input e output para os falantes, além de adicionar um potenciômetro de 10k como master volume, fica muito legal e é incrível ter um amplificador tão pequeno, fica muito bom para testar diversos pré amplificadores.

Quanto ao sag, talvez se adicionasse um resistor após a retificação da fonte, conseguiria o mesmo efeito, só não garanto que não vá tudo explodir ou pegar fogo (risos). Acho que algumas coisas só ficam boas em valvulados mesmo...

No seu caso, você vai utilizar um módulo de 100w classe D, tome muito cuidado com aquecimento e nunca utilize a voltagem total na entrada da fonte, certifique-se de que o circuito integrado possua um bom dissipador em cima dele. Estou utilizando o TPA3118, fornece 60w com 24V.

Procure adicionar um potenciômetro na entrada do módulo, no meu caso, o aquecimento diminuiu bastante, não sei se tem a ver mas percebi isso!

Quanto ao tsw, tive de utilizar um resistor de valor até 100k onde vai os jumpers A e B, tive problema de volume muito alto no pré, os potenciômetros não zeravam o som por completo.
Registrado

A vida não é complicada, o viver não é complicado, nós é que temos o costume de complicar a vida e o viver...,
EddieTavares
Visitante
« Responder #549 : 15 de Maio de 2018, as 18:34:05 »

O módulo que eu adquiri usa TPA3116, eu já não me lembrava, com um falante de 8 ohm deve fornecer aprox 40 watts com 19v na fonte, já me resolve, e já tem um trimpot na entrada.

https://pt.aliexpress.com/item/100W-TPA3116-D2-Mono-channel-Digital-Audio-Amplifier-Board-DC12-26V-free-shipping/32718079139.html?
spm=a2g0s.9042311.0.0.5240b90a0CxFO0
Registrado
Mallermb
Colaborador
***
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 797



« Responder #550 : 15 de Maio de 2018, as 19:00:44 »

O módulo que eu adquiri usa TPA3116, eu já não me lembrava, com um falante de 8 ohm deve fornecer aprox 40 watts com 19v na fonte, já me resolve, e já tem um trimpot na entrada.


Legal esse módulo, funciona com máximo de 26V, uma fonte de notebook já resolve o problema desde que a amperagem dela suporte o módulo, o meu módulo de 60W consome até 3A, utilizo uma fonte de notebook de 19,5V / 3,5A.

Olha, com 19,5V, o volume que consigo é absurdamente alto, não dá nem para ficar perto, acredito que o seu módulo em 19V fique ainda mais alto, cerca de uns 70W. Se não me engano tem destes módulos com 200w, não tenho certeza, mas aí já é muita coisa, no meu, não passo do volume na posição 3 em casa, e já é muito alto.

Experimenta um pré amplificador de baixo para ligar a guitarra, o som é absurdamente limpo e nítido com um módulo destes (não sei se pode ou não, mas adorei).
Registrado

A vida não é complicada, o viver não é complicado, nós é que temos o costume de complicar a vida e o viver...,
Albuquerque
Colaborador
***
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 656



« Responder #551 : 29 de Junho de 2018, as 17:57:22 »

No momento da liberação, releguei os projetos a comunidade, isto sem qualquer tipo de restrição comercial. Notem: Diferente dos projetos do Bertola e outros, qualquer um pode copiar, alterar e vender quaisquer um destes meus dois projetos (apenas peço que o site handmades.com.br seja mencionado)

Se eu quiser fazer um layout para mim já com o Power e comercializar o TSW, (claro que com a devida menção ao handmades) posso?
Registrado

Don't be the same, be better!
hgamal
Hand MasterMind
*****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 3.730



« Responder #552 : 29 de Junho de 2018, as 22:35:59 »

Se eu quiser fazer um layout para mim já com o Power e comercializar o TSW, (claro que com a devida menção ao handmades) posso?

Pode! Mas não esquece de mostrar para a galera!
Registrado

Deus salva... e o Rock alivia! Ainda está em tempo do Rock 'n' Roll te salvar
Albuquerque
Colaborador
***
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 656



« Responder #553 : 29 de Junho de 2018, as 22:43:40 »

Pode! Mas não esquece de mostrar para a galera!

"De graça recebeste, de graça dai..."  Wink
Pretendo comercializar na minha região mas com certeza vou colocar disponível aqui o projeto com os Gerbers.
Registrado

Don't be the same, be better!
Fred_oliveira22
Iniciante
*
Offline Offline

Mensagens: 10


« Responder #554 : 19 de Agosto de 2018, as 00:11:30 »

Desculpem reviver o tópico, mas já revivendo...

Inicialmente, quando montei esse pré, testei com uma etapa de potência com o TDA2050, soou tudo ok e muito bom, mas com o TDA7294 a coisa foi bem diferente, os agudos sumiam, som abafado, etc...

Fiquei um bom tempo parado, recentemente voltei ao projeto, comecei a testar diversas etapas de saída nesse pré amplificador, a maioria ainda soava abafado, troquei o alto-falante por outro, os agudos surgiram, mas ainda não estava satisfeito, comecei então, a testar outras etapas de potência.

Por fim, para mim, a etapa de potência que menos gostei, foi com TDA7294, as que realmente me agradaram e que fizeram os agudos ressurgirem das cinzas, foram as etapas de potência com TDA2050, TDA2030, LM1875, 2sc5200/2sa1943 e principalmente, por incrível que pareça, módulo amplificador digital classe D, casou muito bem com diversos pré amplificadores que testei, soando muito melhor que muitas marcas no mercado atual.

Resumindo, resolvi voltar aos testes por causa de um conhecido, que disse ter montado recentemente um TSW e não conseguia agudos suficientes.

Bom, testei de tudo, e posso dizer que o pré é maravilhoso, basta utilizar componentes bons, potenciômetros de qualidade (sempre), cabos bons, alto-falantes específicos para guitarra, testar algumas etapas de saída e escolher a que mais lhe agrada.

Esse pré casa bem com pedaleiras e pedais, estou feliz com ele, abraços!



Essas informações são fundamentais pra mim, pois investi uma grana pra fazer um TSW com peças boas, pots alpha, falante novik, e no entanto o som do ampli soa abafado. Tenho pesquisado há algum tempo e é a primeira vez que vi essa explicação, e como usei TDA7293 na potência, de repente pode ser isso!

Qual a melhor potência que eu poderia usar pra fornecer os mesmos 100w e abrir mais o timbre?

Pois além de ter pouco agudo ficou com um grave absurdo, uso os controles de grave no máximo na posição 16h!!

Valeu!!
Registrado
Páginas:  1 ... 35 36 [37] 38   Ir para o Topo
  Imprimir  
 
Ir para:  


Powered by MySQL Powered by PHP Powered by SMF 1.1.21 | SMF © 2006-2009, Simple Machines

XHTML 1.0 Válido! CSS Válido! Dilber MC Theme by HarzeM
Página criada em 0.196 segundos com 22 procedimentos.
SimplePortal 2.3.3 © 2008-2010, SimplePortal