Handmades</center>
 
*
Bem-vindo, Visitante. Por favor faça o Login ou Registro. 11 de Dezembro de 2017, as 00:17:07


Login com nome de usuário, senha e duração da sessão


Páginas:  1 ... 23 24 [25] 26   Ir para o Fundo
  Imprimir  
Autor Tópico: Tremendão 2 sem etapa de saída  (Lida 11193 vezes)
casacunha
Colaborador
***
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 592


page & stratocaster


« Responder #360 : 30 de Novembro de 2017, as 23:04:24 »

Boa noite.
A.Sim, obrigado pelas confirmações e esclarecimento.
Agora posso ter mais certeza que estou fazendo as coisas do modo correto.
Hoje a tarde recebi minha famíilia aqui em casa e não consegui trabalhar no amplificador, depois fui pra igreja...e cheguei agora.
Amanhã cedinho faço a mudança na ponte onde estão os fios dos filamentos.
Estou fazendo desta forma por planejar usar uma lampada piloto 6V ou um LED nestes fios; e também pra usar fios mais finos nos filamentos de todas as válvulas. Originalmente esta lampada piloto é uma neon ligada à um dos enrolamentos do primário do transformador de força, através de um resistor.
Eu iria trocar apenas os eletrolíticos da placa do pré e refazer todas as soldas, mas movimentei alguns componentes e alguns terminais se soltaram deles, inutilizando-os. Agora vou remover tudo e fazer outra placa, já que a minha esta faltando à parte da inversora.
Pensei quanta dor de cabeça eu poderia ter com terminais soltos internamente.
Como eu não tenho uma placa de 40 cm, e tenho uma de 30 cm, e não posso gastar, farei um sanduíche com uma de 30 cm, colada e travada com os próprios ilhoses.
Algo com no máximo 3 mm de espessura.

-----
Atualizando.
Mudei a ponte que segura os fios dos filamentos. Desta forma, praticamente anulei a tensão mecânica exercida pelos fios enrolados sobre a ponte.





Outra coisa que observei foi a furação dos transformadores de força e de saída no chassis, aparentemente estão fixados na mesma direção.
Estranho pois sempre foi falado que deveriam estar em direções diferentes por causa do fluxo magnético...
« Última modificação: 01 de Dezembro de 2017, as 15:37:35 por casacunha » Registrado
Guilherme
Colaborador
***
Offline Offline

Mensagens: 817


Igor Stravinsky, o mentor do Heavy Metal


« Responder #361 : 01 de Dezembro de 2017, as 17:35:54 »

casacunha, agradeço os elogios sobre meu amplificador. Por vezes passo dois, tres anos revivendo esses equipamentos, com muita paciência e dedicação. O resultado não poderia ser outro. Além disso, gosto de compartilhar minha experiencia com outros handmakers.

Olhando seu chassis, devo lembrar-lhe que o contato elétrico entre os potenciometros e o chassis deve ser perfeito se você quiser um amplificador  realmente silencioso. E, no seu caso, o chassis está pintado por dentro, o que vai inviabilizar esse bom contato.

Prepare-se para deixar no aço toda área interna do chassis onde encostam os potenciometros. Não se esqueça de usar aquela arruela dentada, que acompanham todos potenciometros, entre o corpo desse e o chassis, apertando bem.

A imagem abaixo mostra a busbar que serve como signal-ground, ou seja, onde estão ligados todos os "terras" dos estagios de preamplificação e inversor de fase, aqueles por onde circulam correntes diminutas. A Marshall, dentre outras, faz exatamente isso mas soldando essa busbar nos potenciometros.

Você não precisa soldar a busbar nos potenciometros desde que eles estejam em bom contato com o chassis e o diametro do fio de cobre que forma a busbar tenha no minimo 2,5mm².

Spoiler (clique para mostrar ou esconder)

Nessa outra imagem encontra-se o power-ground, facilmente identificavel pelos terminais tipo anel aparafusados no chassis bem em frente ao capacitor de 16uF. Nesse ponto estão ligados todos os componentes que carregam altas correntes e ripple: CT's do transformador de potencia, retorno de alto-falante, negativos dos capacitores da fonte de alta-tensão etc.

Observe que um curto trecho de fio une o "final" da busbar de signal-ground com o power-ground em um dos terminais tipo anel.

Spoiler (clique para mostrar ou esconder)

Sendo o Tremendão um amplificador de chassis grande, faça um busbar com fio de cobre de 6mm² para a menor resistencia possivel. Estanhe bem esse fio para facilitar a soldagem, que vai precisar de bastante calor por causa da grande seção.

Por fim, tenha paciencia nessa restauração...
Registrado

Blues, Jazz, Rock....cortados do mesmo pano.
casacunha
Colaborador
***
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 592


page & stratocaster


« Responder #362 : 01 de Dezembro de 2017, as 18:19:03 »

Lindas imagens e conteúdo extremamente explicativo, Guilherme, muito obrigado de novo.
Continuarei no passo a passo, seguindo a receita.
Uma pergunta:
A busbar dispensa o bom contato dos potenciômetros com o chassis ou mesmo com a busbar precisarei raspar o chassis?
Há algum produto que eu possa aplicar nas partes raspadas para que as mesmas não enferugem e que permita um bom contato?
Então estarei certo unindo no power ground o terra dos filamento, da placa da fonte, do circuito do bias a busbar e o alto falante num parafuso do transformador de força?
Registrado
Guilherme
Colaborador
***
Offline Offline

Mensagens: 817


Igor Stravinsky, o mentor do Heavy Metal


« Responder #363 : 06 de Dezembro de 2017, as 13:43:25 »

Sim, casacunha, você só vai ter vantagens raspando a pintura interna do chassis para promover o melhor contato elétrico possível entre os potenciometros e o chassis, mantendo-os no mesmo potencial elétrico, ou seja, no potencial de "chassis".

Correto, nesse parafuso, perto do transformador de potencia, ligue tudo o que você listou e mais o retorno do alto-falante (power ground).

Mas lembre que no power ground NÃO deve ser ligado o fio comum que sai do transformador de saida !

O fio comum que sai do transformador de saida deve ser ligado no jack de saida para alto-falantes e, desse jack, deve sair um fio tão grosso quanto possivel que segue direto para o power ground ! Isso também é muito importante !
Registrado

Blues, Jazz, Rock....cortados do mesmo pano.
casacunha
Colaborador
***
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 592


page & stratocaster


« Responder #364 : 06 de Dezembro de 2017, as 23:18:27 »

  
   Obrigado pelas valiosas dicas, Guilherme, vou separar estas dicas pra fazer um plano de montagem.
   Quanto ao fio do ground bus, que você indicou 2.5 mm eu não consegui. Tenho aqui de 1.5 mm rígido,
   Dobra-lo e torce-lo, cobrindo com estanho seria uma saída?

   Bom tenho alguns dados para postar neste momento:

   Fonte ligada, sem carga:

 +B1= + ou - 520 VDC
 +B2= + ou - 520 VDC
 +B3= + ou - 520 VDC
 +B4= + ou - 515 VDC

   Fonte do bias

 -B1= -67 VDC = (fio que vai ao circuito do vibrato)
 -B2a= De -33 VDC à -66 VDC, atuando no primeiro potenciômetro de ajuste do bias
 -B2b= De -33 VDC à -66 VDC, atuando no segundo potenciômetro de ajuste do bias

   Após desligar a chave +B, os capacitores da fonte levaram certa de 60 segundos para se descarregarem completamente.

   Tem bastante coisa pra fazer ainda. limpar potenciômetros , chaves e jacks, e soldar fios novos em todos eles, enrolar e deixar preparado pra placa de pre.
   Raspar o chassis para que eles façam contato com o metal.
   Fazer uma placa de pre nova, aplicar os ilhoses e soldar os componentes...
   E aí vai...

   Amanhã postarei algumas fotos.
« Última modificação: 06 de Dezembro de 2017, as 23:23:51 por casacunha » Registrado
MARFU
Iniciante
*
Offline Offline

Mensagens: 100



« Responder #365 : 07 de Dezembro de 2017, as 09:56:09 »

Parabéns Casacunha.

Primeira etapa ( fonte) parece estar concluída.

Bolei ( lay out) uma etapa de potência para você, assim que testar, repasso as informações.

Aguardando fotos.

Abração.


Registrado
casacunha
Colaborador
***
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 592


page & stratocaster


« Responder #366 : 07 de Dezembro de 2017, as 13:51:28 »

Grande Marfu, eu agradeço toda colaboração, amigo.
Pena eu ser ruim de furo e furar tão desalinhado a passagem dos fios pela placa,,, Grin Grin Grin
Vamos continuar a saga.
Pra melhorar fiquei desempregado agora, ai...ja viu...
Mas aproveitando o tempo parado pra investir nesta reforma.
Tirei algumas fotos, os fios de aterramento ainda não estão presos ao parafuso do transformador
porque comprei o terminal hoje e não coloquei ainda.







Tensão em +B1

« Última modificação: 07 de Dezembro de 2017, as 13:54:08 por casacunha » Registrado
Ramsay
Colaborador
***
Offline Offline

Mensagens: 661



« Responder #367 : 07 de Dezembro de 2017, as 21:44:47 »

Casacunha, a placa da fonte ficou bonita, mas, qual a função do 2º trimpot? não basta um para ajustar o bias?
Registrado
casacunha
Colaborador
***
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 592


page & stratocaster


« Responder #368 : 07 de Dezembro de 2017, as 22:37:34 »

Obrigado Ramsay.
Olha, tenho lido muito mas ainda estou longe de poder dar uma explicação convincente.
Penso eu, (Grin Grin, se tiver errado, pode corrigir) que um ajuste de bias individual pode colocar
cada uma das válvulas no seu melhor ponto de funcionamento, quando elas não são casadas.

Registrado
xformer
Administrator
DIY Freak
*****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 4.590


e^(i x pi)+1=0


WWW
« Responder #369 : 08 de Dezembro de 2017, as 08:43:04 »

O ajuste individual da tensão negativa de polarização das grades (bias) permite que as correntes de repouso (DC) em cada metade do primário do transformador de saída PP sejam ajustadas para que sejam de mesmo valor uma com a outra, se por acaso as duas (ou 2 pares) de válvulas de saída não conduzam (corrente de placa) igualmente com a mesma tensão de bias.
Quando as duas correntes no primário do transformador de saída push-pull forem de mesmo valor, como elas estão em sentido oposto em cada metade do enrolamento primário, também há o cancelamento do campo magnético no núcleo do transformador causado pelas correntes de repouso, o que previne a saturação do núcleo.
« Última modificação: 08 de Dezembro de 2017, as 15:54:33 por xformer » Registrado

O que se escreve com "facilidade" costuma ser lido com dificuldade pelos outros. Se quiser ajuda em alguma coisa, escreva com cuidado e clareza. Releia sua mensagem postada e corrija os erros.
casacunha
Colaborador
***
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 592


page & stratocaster


« Responder #370 : 08 de Dezembro de 2017, as 10:29:05 »

Obrigado por me socorrer, de novo,Xformer, devo mais essa...
Vou procurar informações sobre isso de bias fixo, regulavel e auto ajustavel, Parece que tem um lance de bias balanceado tambem.
« Última modificação: 08 de Dezembro de 2017, as 10:32:58 por casacunha » Registrado
kem
Administrator
DIY Freak
*****
Offline Offline

Mensagens: 4.525



« Responder #371 : 08 de Dezembro de 2017, as 15:21:16 »

Complementando a explicação do xformer, o ajuste individual do BIAS "elimina" a necessidade de se adquirir um par de válvulas casado.
Registrado

I don't want to die young...
I want to diode!
casacunha
Colaborador
***
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 592


page & stratocaster


« Responder #372 : 08 de Dezembro de 2017, as 19:13:54 »

È pessoal, 3 componentes a mais e um monte de dor de cabeça evitado....
Registrado
A.Sim
Freqüente
**
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 275



WWW
« Responder #373 : 08 de Dezembro de 2017, as 21:16:08 »

Os projetos do A.Sim têm ajuste individual de bias e ajuste de balanço na excitação. Não basta ajustar a corrente quiescente; é preciso fazer com que as excursões de corrente nas duas metades do primário do transformador de saída sejam iguais e simétricas.
Registrado

Transformadores Schatz - áudio e força
...The bitterness of poor quality [transformers] is remembered long after the sweetness of today's funny gadgets low price has faded from memory... (obsoletetellyemuseum)
kem
Administrator
DIY Freak
*****
Offline Offline

Mensagens: 4.525



« Responder #374 : 08 de Dezembro de 2017, as 21:31:22 »

Os projetos do A.Sim ...
Acho que nunca vou acostumar com isso de se referir a si mesmo na 3ª pessoa...  Smiley
Registrado

I don't want to die young...
I want to diode!
Páginas:  1 ... 23 24 [25] 26   Ir para o Topo
  Imprimir  
 
Ir para:  


Powered by MySQL Powered by PHP Powered by SMF 1.1.21 | SMF © 2006-2009, Simple Machines

XHTML 1.0 Válido! CSS Válido! Dilber MC Theme by HarzeM
Página criada em 0.138 segundos com 22 procedimentos.
SimplePortal 2.3.3 © 2008-2010, SimplePortal