Handmades</center>
 
*
Bem-vindo, Visitante. Por favor faça o Login ou Registro. 20 de Janeiro de 2021, as 12:26:04


Login com nome de usuário, senha e duração da sessão


Páginas:  1 ... 56 57 [58] 59   Ir para o Fundo
  Imprimir  
Autor Tópico: O Baby Wonder  (Lida 275497 vezes)
blackcorvo
Handmaker
****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 1.141

Obrigado
-Dado: 119
-Recebido: 141


...Quer? Faça você mesmo!


WWW
« Responder #855 : 24 de Março de 2017, as 07:00:54 »

Na verdade estou querendo tirar do amplificador esse som saturado, sem passar o sinal da guitarra por outro circuito.Quero simplificar o máximo possível, se alguém já fez testes e alterou algum componente e já viu o resultado, pode ajudar com alguma dica,ou por onde começar a mexer no circuito pra conseguir pelo menos um pouco de saturação.

O que um Booster faz é aumentar o volume da guitarra, sem distorcer. No caso do Brian May Treble Booster e Rangemaster, eles removem os graves e acentuam os agudos, o que dá ênfase em harmônicos e faz o som da guitarra soar mais "cortante" dentro de um mix com outros instrumentos.

O circuito em si do Baby Wonder só vai te dar mais saturação se você trocar o pré por algo com dois estágios de ganho (como nos Fender 5F1 e 5F2, Gibson GA5 e semelhantes), mas terá que refazer o pré por completo pra isso.

Recomendo mais o booster, pois é um circuito bem simples, e pode deixar ele ligado direto, logo após a guitarra. Eu mesmo faço isso com frequência!

Tenho o seguinte layout do Treble Booster Brian May, para placa universal:

Spoiler (clique para mostrar ou esconder)
Registrado

- Youtube: http://youtube.com/user/blackcorvo
- Discord: blackcorvo#6197
- Telegram: blackcorvo
- Twitter: https://twitter.com/blackcorvo
Solenóide
Freqüente
**
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 353

Obrigado
-Dado: 52
-Recebido: 27



« Responder #856 : 24 de Março de 2017, as 07:14:57 »

Existe também a opção de adicionar diodos no circuito do amplificador para conseguir clipagem. Alguns amplificadores de grandes marcas se utilizam deste artifício para conseguir mais drive. O Marshall JCM900, por exemplo, tem diodos que clipam o sinal.

Este link mostra em seis passos como fazer:

http://www.instructables.com/id/Add-Diode-Clipping-Distortion-to-your-Guitar-Amp/

Você pode colocar uma chave para poder ativar ou desativar a clipagem, assim pode escolher entre tocar no amplificador com ou sem os diodos.

É uma modificação muito simples, que vai usar poucos componentes.

Abraços.

   
Registrado
Finck
Handmaker
****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 1.708

Obrigado
-Dado: 60
-Recebido: 266



« Responder #857 : 24 de Março de 2017, as 09:14:53 »

Você acha que daria mesmo para usar os diodos para clipar no Baby? Onde, entre o pré e o power? Antes ou depois do potenciômetro de volume?

Isso muito me interessa...

Estou no momento refazendo a montagem do meu (era um "cabeçotinho", estou fazendo um pequeno combo). Colocar um footswitch para acionar distorção até que viria a calhar...
Registrado

Se alguém ficou curioso, meu avatar é o brasão da família Finck. Dizem que os brasões das famílias alemãs estão relacionados com a profissão de seu patriarca. Se isso for verdade, o patriarca Finck deve ter sido bobo da corte...
fabriciogf
Iniciante
*
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 6

Obrigado
-Dado: 0
-Recebido: 0



« Responder #858 : 24 de Março de 2017, as 09:44:25 »

Teria como colocar um potenciômetro para dosar a quantidade de sinal que desce pro circuito de clipagem?
Registrado

Trabalhe duro e seja gentil com as pessoas!
Finck
Handmaker
****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 1.708

Obrigado
-Dado: 60
-Recebido: 266



« Responder #859 : 24 de Março de 2017, as 09:58:19 »

Fabricio, meu caro, como você é neófito em valvulados, sugiro que leia o post fixo "Siga a receita do bolo".

Monta o circuito padrão, sem modificações, de preferência usando a placa pronta que vende na Altana.

Depois que tudo estiver funcionando direitinho, você parte para modificações.

Não estou escrevendo isso para te ofender, mas para garantir que você continue vivo tenha sucesso na montagem.

Fazendo assim, evitas um monte de problemas e frustrações.

Registrado

Se alguém ficou curioso, meu avatar é o brasão da família Finck. Dizem que os brasões das famílias alemãs estão relacionados com a profissão de seu patriarca. Se isso for verdade, o patriarca Finck deve ter sido bobo da corte...
Solenóide
Freqüente
**
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 353

Obrigado
-Dado: 52
-Recebido: 27



« Responder #860 : 24 de Março de 2017, as 10:45:47 »

Você acha que daria mesmo para usar os diodos para clipar no Baby? Onde, entre o pré e o power? Antes ou depois do potenciômetro de volume?

Isso muito me interessa...

Estou no momento refazendo a montagem do meu (era um "cabeçotinho", estou fazendo um pequeno combo). Colocar um footswitch para acionar distorção até que viria a calhar...

Acredito que seja possível Finck.

Na parte quatro do tutorial tem uma figura e instruções de onde colocar:


O autor comenta que os diodos não devem ser colocados antes do pré amplificador, pelo fato do sinal ainda ser muito fraco naquele ponto do circuito. Também não deve ser colocado nem no primário, nem no secundário do transformador de saída, para não fritar os diodos.

Também não deve ser colocado no ponto A da figura acima, por conta da tensão de placa da válvula.

Ele recomenda escolher um dos pontos B ou C para inserir os diodos.

Embora eu pretendesse fazer essa modificação no meu Baby Wonder, acabei vendendo ele sem experimentar, então estou fazendo essas afirmações baseadas apenas no que li. Seria muito importante pedirmos a opinião do pessoal mais experiente, principalmente sobre o local exato onde os diodos devem ser inseridos no Baby Wonder. Principalmente por estarmos tratando de um amplificador valvulado, então, caso alguém leia isso, é muito importante saber o que está fazendo, pois as tensões existentes em amplificadores valvulados podem matar, essa modificação só deve ser feita por quem tem experiência com esses circuitos, e sempre com muito cuidado.

Se o timbre agradar, acho que vai ser muito legal você colocar uma entrada para footswich no seu Baby Wonder, assim você poderá alternar entre som limpo e drive (ou pelo menos crunch) remotamente.

Teria como colocar um potenciômetro para dosar a quantidade de sinal que desce pro circuito de clipagem?

Tem sim, na parte cinco o autor demonstra como colocar um potenciômetro no circuito de clipagem, observe a figura abaixo:


Eu acho muito interessante você pensar em modificar seu amplificador, mas concordo com a opinião do Finck. Eu faria primeiro o amplificador seguindo passo a passo o esquema original, e, depois de concluído, com ele funcionando perfeitamente, aí sim pensaria em modificações. Também não digo isso para te desencorajar, pelo contrário, é por pensar em sua segurança, pois quando se trata de eletricidade, um erro pode causar um acidente grave.

Abraços a todos!


 

Registrado
fabriciogf
Iniciante
*
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 6

Obrigado
-Dado: 0
-Recebido: 0



« Responder #861 : 24 de Março de 2017, as 11:15:25 »

Obrigado Fink e Solenoide pelas informações  ,quero usar o amplificador realmente pra tocar guitarra, e se possível tudo pronto em um combo,sem ter que carregar mais nada e sem ter que adaptar outro circuito ou pedal.Já deu pra ver que é possível sim mas vamos aguardar mais opiniões sobre o funcionamento desse circuito de clipagem, ou se alguém tem uma sugestão melhor de usar o próprio circuito do baby wonder pra conseguir saturar o sinal.
Registrado

Trabalhe duro e seja gentil com as pessoas!
Solenóide
Freqüente
**
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 353

Obrigado
-Dado: 52
-Recebido: 27



« Responder #862 : 22 de Abril de 2017, as 20:54:41 »

Saudações pessoal.

Um amigo que tem o Baby Wonder, mas não tem cadastro aqui no site, gostaria de ligar um medidor VU no seu amplificador.

Alguém pode me orientar a respeito de onde deve ser ligado o medidor no circuito?

Aqui tem duas fotos do medidor:

Spoiler (clique para mostrar ou esconder)

Spoiler (clique para mostrar ou esconder)

Obrigado, abraços.
Registrado
V.O.A.
Iniciante
*
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 143

Obrigado
-Dado: 47
-Recebido: 13



« Responder #863 : 23 de Abril de 2017, as 02:59:08 »

Tudo depende de o que você vai querer monitorar. Se for a entrada, o circuito do VU vai na entrada, se for na saída, vai ser na saída. Na entrada, por exemplo, poderias colocar um amplificador operacional, apenas para pegar uma pequena amostra do sinal, sem causar perdas audíveis, e amplificar a ponto de excursionar o cursor do ponteiro. Não sei se há alguma boa metodologia pra isso, se tiver, talvez o melhor caminho sejam as revistinhas antigas de eletrônica.

Lembrando que o sinal de áudio é alternado, ele deve ser retificado, para que o cursor seja impulsionado só numa direção.



o divisor de tensão serve para pegar a menor amostra de sinal possível, sem "roubar" de sua real função, que é ser amplificado.
« Última modificação: 23 de Abril de 2017, as 03:02:31 por V.O.A. » Registrado

____________________________
V.O.A. - Vinícius Ossanes Aquino
xformer
Administrator
DIY Freak
*****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 5.682

Obrigado
-Dado: 53
-Recebido: 1716


e^(i x pi)+1=0


WWW
« Responder #864 : 23 de Abril de 2017, as 03:10:47 »

Um amigo que tem o Baby Wonder, mas não tem cadastro aqui no site, gostaria de ligar um medidor VU no seu amplificador.

Alguém pode me orientar a respeito de onde deve ser ligado o medidor no circuito?

Esse medidor é um voltímetro AC e não um VU meter. O ponto mais útil pra ligá-lo é no primário do transformador de força pra ver a tensão de alimentação (desde que não seja maior do que 150Vac, então para 220Vac já era).
O segundo ponto que pode ser ligado é no secundário de 127Vac do transformador de força, pra saber se ele está fornecendo e transformando a tensão certa para a fonte.
O terceiro lugar seria em paralelo com o primário do transformador de saída ou entre o terra e a placa da válvula de saída, com a intenção de visualizar o sinal de áudio. Mas talvez esse medidor não seja adequado pra isso, pois pode ter pouca resistência de entrada (e alterar o funcionamento do estágio de saída) e deve ser lento e não responder às rápidas variações do sinal de áudio.
« Última modificação: 25 de Abril de 2017, as 13:24:38 por xformer » Registrado

O que se escreve com "facilidade" costuma ser lido com dificuldade pelos outros. Se quiser ajuda em alguma coisa, escreva com cuidado e clareza. Releia sua mensagem postada e corrija os erros.
blackcorvo
Handmaker
****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 1.141

Obrigado
-Dado: 119
-Recebido: 141


...Quer? Faça você mesmo!


WWW
« Responder #865 : 23 de Abril de 2017, as 03:16:32 »

Para adicionar um Medidor VU, não basta simplesmente ligar ele num ponto do circuito. Ele precisa de um circuito próprio para limitar a corrente que passa por ele, e também para definir a curva de resposta da agulha (linear ou logarítmica), dependendo do que se quer obter.

Nesse caso, como é mais um caso de estética que funcionalidade, a curva não afeta tanto assim o efeito da agulha. No Fender Greta (mini-amplificador de 2 watts) usam um Medidor VU dessa forma. O circuito é simples, consistindo de 1 diodo, 1 capacitor e 1 resistor. Segue o circuito pra montagem direta no Medidor VU:

Spoiler (clique para mostrar ou esconder)

Verifique qual pino do VU é positivo e qual é negativo antes de fazer essas ligações. Confirme isso primeiro, prenda o suporte para lâmpada baioneta no lado negativo, instale um pedaço de ponte de terminais no lado positivo, e use um dos terminais isolados dessa ponte para prender o diodo, assim ele tem um ponto de suporte e não fica "pendurado".
Registrado

- Youtube: http://youtube.com/user/blackcorvo
- Discord: blackcorvo#6197
- Telegram: blackcorvo
- Twitter: https://twitter.com/blackcorvo
A.Sim
Handmaker
****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 1.016

Obrigado
-Dado: 41
-Recebido: 286



WWW
« Responder #866 : 23 de Abril de 2017, as 10:00:06 »

Os galvanômetros vendidos para a função de VU Meter já têm a curva logarítmica incorporada, devido à construção especial do sistema magnético. Não são instrumentos lineares, ou seja, a deflexão do ponteiro não é diretamente proporcional à corrente que circula na bobina móvel.

A calibração é feita ajustando-se o nível do sinal de entrada, ou a corrente enviada ao galvanômetro, para que o instrumento indique " 0 dB " quando o sinal de saída tem a amplitude desejada como 0 dB.

Quando a indicação é em unidades " VU ", o 0 dB deve corresponder a 2,5 mW em 600 ohms https://en.wikipedia.org/wiki/VU_meter  .
« Última modificação: 23 de Abril de 2017, as 10:10:01 por A.Sim » Registrado

Transformadores Schatz
...The bitterness of poor quality [transformers] is remembered long after the sweetness of today's funny gadgets low price has faded from memory... (obsoletetellyemuseum)

- pelo retorno do tópico "Chinelagem" !
Solenóide
Freqüente
**
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 353

Obrigado
-Dado: 52
-Recebido: 27



« Responder #867 : 23 de Abril de 2017, as 13:02:52 »

Boa noite pessoal.

Muito obrigado pelos esclarecimentos, V.O.A., Renato, Blackcorvo e A.Sim.

Vou mostrar o tópico para ele.

Abraços.
Registrado
rodrigo_amaral
Iniciante
*
Offline Offline

Mensagens: 25

Obrigado
-Dado: 2
-Recebido: 0


« Responder #868 : 19 de Abril de 2018, as 09:50:49 »

Bom dia à todos.

Eu li as mensagens do tópico, e apesar de algumas imagens não estarem disponíveis, não vi (ou não achei) nenhuma referência de layout para montagem ponto a ponto. Confesso ser newbie e ter enorme dificuldade em interpretar o esquema dos componentes para realizar o projeto.

Já vi que a placa PCI está disponível na Altana, e me parece ser a melhor opção. Me surgiu uma dúvida imbecil: os soquetes das válvulas são posicionados do mesmo lado dos componentes para a soldagem?

Minha idéia seria montar em um gabinete parecido com o "tiny terror", há alguma recomendação para posicionamento dos transformadores e dos fios que dele saem (fora enrolar os fios e os passar longe das válvulas?).

Achei salgado o preço de um dos transformadores, há alguma opção testada e funcional (vi várias mensagens acerca do tema, mas não chreguei a uma conclusão).

Agradeço a toda e qualquer ajuda, e espero em breve montar esse amp.

Eduardo, parabéns pelo projeto e iniciativa. Muito obrigado.

Registrado
Ramsay
Colaborador
***
Offline Offline

Mensagens: 858

Obrigado
-Dado: 1
-Recebido: 109



« Responder #869 : 19 de Abril de 2018, as 19:08:21 »

Citar
os soquetes das válvulas são posicionados do mesmo lado dos componentes para a soldagem?
Os soquetes das válvulas são inseridos pela parte de baixo (lado do cobre) e soldados de modo a que os furos para encaixe dos pinos das válvulas fiquem do lado dos componentes.

Citar
Minha idéia seria montar em um gabinete parecido com o "tiny terror", há alguma recomendação para posicionamento dos transformadores e dos fios que dele saem (fora enrolar os fios e os passar longe das válvulas?).
Se os transformadores ficarem próximos, o ideal é posicionar o núcleo de um deles girado em 90º em relação ao outro. Já se os transformadores ficarem distantes, tipo um em cada extremidade do chassis como ocorre no Tiny Terror, por exemplo, os transformadores podem até ser posicionados com os núcleos em paralelo.
Quanto aos fios, o ideal é só enrolar os fios dos filamentos.


Registrado
Páginas:  1 ... 56 57 [58] 59   Ir para o Topo
  Imprimir  
 
Ir para:  


Powered by MySQL Powered by PHP Powered by SMF 1.1.21 | SMF © 2006-2009, Simple Machines

XHTML 1.0 Válido! CSS Válido! Dilber MC Theme by HarzeM
Página criada em 0.056 segundos com 21 procedimentos.
SimplePortal 2.3.3 © 2008-2010, SimplePortal